Dívida do Cruzeiro pode melar futuro de Kleber no Palmeiras


Uma dívida do Cruzeiro com o Goytacaz, clube do Rio de Janeiro, pode adiar a reestreia de Kleber com a camisa do Palmeiras ou até mesmo, se as consequências forem extremas, melar a negociação e impedir que ele atue pelo Verdão.

O LANCENET! teve acesso ao documento com a decisão judicial que proíbe o clube mineiro de realizar qualquer transferência até que pague a quantia de R$ 6.453.989,14, referente à chegada do atacante Jussiê, em 2001.

O Gladiador ainda tem contrato com o Cruzeiro. Com a proibição, a Raposa não pode realizar a rescisão, impedindo que ele seja negociado de vez com o Palmeiras.

Entre os dois clubes ficou acertado que, assim que o Verdão depositar a última parte do pagamento, os mineiros quitarão a dívida com o Goytacaz e liberarão o Gladiador. A primeira parcela foi paga nesta quarta-feira.

Porém, o Cruzeiro afirma que irá recorrer da ordem judicial para evitar o pagamento da dívida, o que deve prolongar a decisão e, caso tudo não seja resolvido até 15 de julho, pode impedir que o Gladiador esteja em campo no clássico contra o Santos.

– O Cruzeiro não reconhece a dívida e vai usar de todos os meios legais para inverter as decisões – disse Fabiano Costa, advogado da Raposa.

Já o Palmeiras se mantém tranquilo e afirma que não se preocupa com o desfecho da transferência.

– O Cruzeiro não reteria o dinheiro e o jogador, e não teria o porquê de fazerem isso. Está acertado no contrato. Estamos tranquilos com relação a estreia do Kleber – declarou André Sica, advogado do Verdão.

*Colaborou Raphael Freitas

Confira um bate-bola com André Sica, advogado do Palmeiras:

LANCENET!: Como o Palmeiras fez para se prevenir caso o Cruzeiro não possa realizar transferências?

ANDRÉ SICA: O contrato da contratação do Kleber, com o Cruzeiro, determina que eles paguem essa dívida após o recebimento da última parcela do Palmeiras. Assim, a transferência dele ficaria liberada.

LNET!:Mas o Cruzeiro alega que não reconhece a dívida. Se não pagarem, ele não pode ser regularizado.

AS: Aí entraria em um descumprimento de contrato assinado. O Palmeiras, a princípio, não está preocupado. Até a transferência se concretizar, o jogador sempre está nas mãos do clube que tem os direitos.

LNET!: Trabalham com a chance de o Cruzeiro não pagar?

AS: Na remota hipótese de o Cruzeiro não pagar a dívida, temos de trabalhar com a dinâmica do mercado. Eles têm de ter dinheiro em caixa. Assim, eles não podem nem comprar e nem vender ninguém
Share on Google Plus

About victor

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários :

Anônimo disse...

i have been following this blog for some time now, good job by the way